Indo ali fazer mais uma missão com essa galera, Ji-Paraná (RO) e Boa Vista (RR) siga - @manauarasemextincao @sesc_amazonas @sescrr @sescro #tour #Amazoniadasartes #sesc
18 1
Mãos à obra. 'Meu hoje é história' Sesc Bauru. #encadernacao #bookbiding #sesc
13 1
🗣️É na quinta 19/07! Repost @moyseismarques Mais uma oportunidade pra quem não viu ou quer ver de novo : uma pequena viagem pelo repertório de Chico Buarque de Holanda. Nesta Quinta-feira, no Sesc Tijuca, a preços populares ! ##ondetemsamba_rj #samba #chicobuarque #sesc #moyseismarques #
6 0
6 0
#tb de #selfie sem make up e sem filtro, original! 🙈🤣😎 Top maraaaa novo da @labellamafia Gratidão por tudo e todas as “Heroínas e os Heróis” que apareceram hoje no meu dia e em minha vida ! 🙏🏻💙#thaispereira #thaisabreupereira #om #namaste #zango#parenfibidozuleni #gratidao #pol#poledanceig #poledance #aerialist #aerialcircus #cirqueartistcirque #runner #studioflythaispereira #sesc #sescjundiai
40 0
Refúgio, texto e direção de Alexandre Dal Farra. De sexta a domingo, até 29/7, no SESC Bom Retiro. O cotidiano banal de uma família - pai, três filhos e nora - é perturbado pelo desaparecimento de conhecidos e de membros dessa mesma família. Não se trata de rapto, sequestro ou morte: as pessoas simplesmente somem do palco, por vontade própria. Não parece haver lógica nesses sumiços: no meio de uma conversa, alguém sai andando e deixa o interlocutor falando sozinho. No final, os desaparecidos voltam falando de um lugar onde "eles" fazem isto ou aquilo e dizem isto ou aquilo. Quem ficou pergunta, desesperadamente, quem são "eles" e que lugar é este ao qual se referem. Não há resposta. Falando assim, Refúgio parece ser mais uma dessas bobagens que se vê por aí, mas não é. E me parece que a chave para entender a peça está no seu nome. Todos nós precisamos de um refúgio, onde ninguém sabe quem somos, não conhecemos ninguém, sobre o qual nada sabemos. Estamos, por conta das inúmeras fontes de informação, ficando parecidos com Funes, el Memorioso, maravilhoso personagem de Borges. Seu cérebro jamais esquecia e acumulava todo o conhecimento do mundo. Ora, que mente resiste a isto? E uma vez que a sociedade da informação nos massacra, um eventual refúgio é imprescindível. Mas esta é uma das leituras possíveis de Refúgio. Uma segunda é a questão da superexposição. O antídoto a ela é o sumiço puro e simples. Quantas pessoas matam seu perfil no Facebook a cada dia? Perguntemos a elas a razão. Certamente, a necessidade de um pouco de sombra será uma resposta frequente. #refugio #alexandredalfarra #ses#sescetiro #sesc #teatro
13 0